Governo negocia indicação de Eduardo Bolsonaro oferecendo vantagens a presidente do Senado

O governo de Jair Bolsonaro recorre aos métodos que diz condenar para garantir seus interesses. O Palácio do Planalto ofereceu duas diretorias da Eletronorte ao presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), e seus aliados, como parte das negocialões para aprovar a indicação de Eduardo Bolsonaro, informa a coluna Painel da Folha de S.Paulo

Davi Alcolumbre
Davi Alcolumbre (Foto: Ag. Brasil)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O governo de Jair Bolsonaro ofereceu duas  diretorias da Eletronorte ao presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), e seus aliados, informa a coluna Painel da Folha de S.Paulo.  

A oferta faz parte das negocialões em curso pelo Palácio do Planalto com o Sednado para garantir a aprovação da indicação do filho de Jair Bolsonaro, Eduardo, ao posto de emnbaixador do Brasil nos Estados Unidos.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247