'Indecente!', critica Paulo Teixeira sobre proposta de votar Previdência e apresentar dados depois

"Proposta indecente! Isso é um vôo cego! É votar no escuro", afirmou o deputado Paulo Teixeira (PT-SP), criticando a proposta articulado por Maia e o governo de somente apresentar os números da Previdência após a votação na CCJ

'Indecente!', critica Paulo Teixeira sobre proposta de votar Previdência e apresentar dados depois
'Indecente!', critica Paulo Teixeira sobre proposta de votar Previdência e apresentar dados depois (Foto: Luis Macedo/Câmara dos Deputados | Reuters)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O deputado Paulo Teixeira (PT-SP) classificou a proposta articulada pelo presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ) com o governo para levantar o sigilo dos dados sobre a reforma da Previdência somente na quinta-feira (25), após a votação da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), como "indecente".

"Proposta indecente! Isso é um vôo cego! É votar no escuro", afirmou o deputado em sua página nas redes sociais. "É o que pede Rodrigo Maia. Que a CCJ vote e só depois saiba a realidade dos números da previdência", completa.

  

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247