Juíz nega soltura de acusado de hackear celulares de autoridades

O Ministério Público Federal e a Polícia Federal haviam se manifestado a favor da soltura do acusado, que trabalhava como motorista de Uber; Danilo Cristiano Marques, um dos acusados de hacking presos pela Operação Spoofing

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O juiz Vallisney de Oliveira decidiu manter preso Danilo Cristiano Marques, um dos acusados de hacking presos pela Operação Spoofing, que teria invadido celulares de autoridades e vazado as mensagens para a imprensa

O Ministério Público Federal (MPF) havia se manifestado a favor da soltura do acusado, que trabalhava como motorista de Uber. 

Esta também era a posição da Polícia Federal, que mudou de ideia depois que os investigadores disseram ter tido acesso a novos elementos contra o acusado.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247