Lava Jato paulista reforça perseguição e mira parentes de Lula

A Operação Lava Jato vai mudar o foco das suas ações em São Paulo, até hoje concentradas em Paulo Vieira de Souza, operador do PSDB, e vai mirar parentes do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva; Segundo o jornal Folha de S.Paulo, além de se voltar para a investigação de casos de desvios de recursos públicos em obras do metrô paulista, a força tarefa vai se voltar para as investigações sobre pagamentos a um dos filhos e a um irmão do ex-presidente Lula

Lava Jato paulista reforça perseguição e mira parentes de Lula
Lava Jato paulista reforça perseguição e mira parentes de Lula

247 - A Operação Lava Jato vai mudar o foco das suas ações em São Paulo, até hoje concentradas em Paulo Vieira de Souza, operador do PSDB, e vai mirar parentes do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Segundo o jornal Folha de S.Paulo, além de se voltar para a investigação de casos de desvios de recursos públicos em obras do metrô paulista, a força tarefa vai se voltar para as investigações sobre supostos pagamentos a um dos filhos e a um irmão do ex-presidente Lula.

De acordo com o jornal, "o filho Luís Cláudio, e o próprio Lula já foram indiciados pela Polícia Federal sob suspeita dos crimes de lavagem de dinheiro e tráfico de influência por pagamentos para a empresa de marketing esportivo Touchdown".

"Segundo a PF - relata a Folha de S.Paulo -, a Touchdown, que pertence a Luís Cláudio, recebeu mais de R$ 10 milhões de grandes patrocinadores, embora tivesse capital social de R$ 1 mil".

"A outra investigação que envolve Lula diz respeito ao pagamento de uma mesada da Odebrecht a José Ferreira da Silva, o Frei Chico, irmão do ex-presidente. Segundo um delator, o próprio Lula fez esse pedido".

A defesa de Lula e seu filho Luiz Claudio afirmam que as investigações se baseiam em falsos depoimentos de delatores.

Leia a íntegra

 

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247