Líder português diz que julgamento de Lula “é uma ignomínia sem tamanho”

"O julgamento do presidente Lula é uma ignomínia sem nome, uma sentença sem caso, é uma punição sem infração, um atentado aos direitos humanos. Mas é muito mais do que isso, é um míssil contra a democracia", afirma Luís Fazenda, membro da Comissão Política e da Comissão Internacional do Bloco de Esquerda; assista

"O julgamento do presidente Lula é uma ignomínia sem nome, uma sentença sem caso, é uma punição sem infração, um atentado aos direitos humanos. Mas é muito mais do que isso, é um míssil contra a democracia", afirma Luís Fazenda, membro da Comissão Política e da Comissão Internacional do Bloco de Esquerda; assista
"O julgamento do presidente Lula é uma ignomínia sem nome, uma sentença sem caso, é uma punição sem infração, um atentado aos direitos humanos. Mas é muito mais do que isso, é um míssil contra a democracia", afirma Luís Fazenda, membro da Comissão Política e da Comissão Internacional do Bloco de Esquerda; assista (Foto: Romulo Faro)

247 - "O julgamento do presidente Lula é uma ignomínia sem nome, uma sentença sem caso, é uma punição sem infração, um atentado aos direitos humanos", afirma em vídeo Luís Fazenda, membro da Comissão Política e da Comissão Internacional do Bloco de Esquerda (BE), de Portugal.

"Mas é muito mais do que isso, é um míssil contra a democracia e o Bloco de Esquerda solidariza-se integralmente com toda a cidadania brasileira que quer ver Lula livre das garras do judiciário, que quer ver Lula devolvido para a democracia, porque Lula devolvido à democracia é o povo que não empresta o seu direito político, é o povo que decide o seu direito político. Nós estaremos em todos os momentos, em todas as circunstâncias, solidários com Lula da Silva", prossegue.

Assista:

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247