Lula diz que Bolsonaro representa a “volta da cruel fila do INSS que meu governo tinha acabado”

Ex-presidente Lula usou as redes sociais para comentar as reportagens que apontam para uma “redução artificial” dos gastos por parte do governo Jair Bolsonaro. Para Lula, as medidas atrasam “a concessão de aposentadorias e de Bolsa Família para pessoas que tem direito aos benefícios”. “É a volta da cruel fila do INSS que meu governo tinha acabado”, completa

(Foto: Ricardo Stuckert | Isac Nóbrega/PR)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva usou as redes sociais para comentar as reportagens veiculadas pela mídia nesta terça-feira (7) que apontam para uma “redução artificial” dos gastos por parte do governo Jair Bolsonaro. Para Lula, as medidas atrasam “a concessão de aposentadorias e de Bolsa Família para pessoas que tem direito aos benefícios”. “É a volta da cruel fila do INSS que meu governo tinha acabado”, completa. 

Em uma outra postagem, Lula destaca esperar que o fato não “seja verdade” ou que “o governo corrija isso, porque os prejudicados são os idosos e os mais pobres do nosso país, que precisam ter seus direitos respeitados”.

Mais cedo, Bolsonaro jogou sobre os beneficiários do Bolsa Família a culpa do remanejamento de recursos da Previdência para pagar o 13º salário do programa. "Vocês estão loucos para que eu desse um corte no Bolsa Família. Deve ser isso. Atendemos o Bolsa Família. Deve ter havido remanejamento, tudo de forma legal, sem problema nenhum", disse nesta terça-feira (7), na saída Palácio da Alvorada. 

“Estamos buscando a maneira de trabalhar melhor na questão do Bolsa Familia para evitar que entre com tanta facilidade sem filtro muitas pessoas", destacou. “O maior problema não é o pente-fino que é feito regularmente é a quantidade de municípios que ... Tem que ter um mecanismo para punir aqueles que estão na ponta da linha e que simplesmente vão botando para dentro do Bolsa Família sem nenhuma responsabilidade”, emendou. 

Confira as postagens de Lula sobre o assunto. 

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247