Mello Franco: Bolsonaro deveria ouvir a lição do presidente de Portugal

Para o jornalista Bernardo Mello Franco, o discurso do presidente de Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa, na Assembleia Geral da ONU, foi uma espécie de recado “para líderes que se dizem patriotas e fingem ignorar desafios urgentes, como as mudanças climáticas e a crise migratória”. "Em tempos bicudos, é um alento ouvir as lições do professor Marcelo", diz. "Até Bolsonaro pode assisti-lo: o presidente falou em português”, observa

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O jornalista Bernardo Mello Franco destaca que o discurso do presidente de Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa, na Assembleia Geral da ONU, no qual criticou duramente o nacional-populismo, a intolerância e a xenofobia foi uma espécie de recado “para líderes que se dizem patriotas e fingem ignorar desafios urgentes, como as mudanças climáticas e a crise migratória”.

‘Conhecido como professor Marcelo, o presidente reafirmou valores que andam fora de moda, como o respeito às minorias e aos direitos humanos. Ele condenou a tendência de “não aceitar os outros, rejeitar os outros, fazer de conta que o resto do mundo conta menos”’, ressalta Mello Franco. 

“Em tempos bicudos, é um alento ouvir as lições do professor Marcelo. Sem recorrer ao teleprompter, ele ocupou a tribuna por 16 minutos, metade do tempo usado pelo capitão. O discurso está no YouTube. Até Bolsonaro pode assisti-lo: o presidente falou em português”, pontua.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email