Mendonça Filho deixará o ministério da Educação

O ministro da Educação, Mendonça Filho, deixará cargo para disputar a eleição deste ano; quem assume a pasta é o secretário de Educação Básica, Rossieli Soares da Silva; a informação foi confirmada pela assessoria do ministério; Mendonça foi governador e vice-governador de Pernambuco (1999-2002 e 2003-2006); também foi secretário de Estado, deputado federal e estadual

Brasília - Entrevista do ministro da Educação, Mendonça Filho (Wilson Dias/Agência Brasil)
Brasília - Entrevista do ministro da Educação, Mendonça Filho (Wilson Dias/Agência Brasil) (Foto: Leonardo Lucena)

247 - O ministro da Educação, Mendonça Filho, deixará cargo para disputar a eleição deste ano. Quem assume a pasta é o secretário de Educação Básica, Rossieli Soares da Silva; A informação foi confirmada pela assessoria do ministério na manhã desta quinta-feira (5).

Rossieli está no MEC desde maio de 2016. Antes, ele era o secretário de educação do Estado do Amazonas.

Por lei, os ministros que quiserem se candidatar na eleição de outubro precisam deixar os cargos seis meses antes do pleito, prazo que termina neste sábado (7).

Mendonça Filho foi governador e vice-governador de Pernambuco (1999-2002 e 2003-2006). Também foi secretário de Estado, deputado federal e estadual.

 

Conheça a TV 247

Mais de Brasil

Ao vivo na TV 247 Youtube 247