Ministro do Meio Ambiente também usou avião da FAB para viajar sozinho à África

Registro de voos da Força Área revela que um avião solicitado pelo Ministério do Meio Ambiente embarcou rumo a Nairobi (Quênia) com somente um passageiro

O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles
O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O ministro Ricardo Salles, do Meio Ambiente,  usou avião da Força Aérea Brasileira (FAB) para viajar sozinho à África. É o que afirma o colunista Lauro Jardim, do jornal O Globo.

O uso de um avião da FAB foi a razão da demissão do ministro interino da Casa Civil, Vicente Santini. Ele foi exonerado do cargo por Jair Bolsonaro depois de usar uma aeronave para ir à Índia e Davos, na companhia de apenas dois assessores. Segundo Bolsonaro, era uma gasto muito alto para pouca gente.

O jornalista disse que se Bolsonaro tiver coerência - alguém acredita nisso - ele vai fazer o mesmo com o ministro Salles, que no ano passado, fez quase a mesmo coisa.

"Quase porque, na ocasião, em vez de três passageiros, o jato da FAB levou apenas uma pessoa numa viagem à África — na certa, o próprio Salles", escreveu Lauro Jardim.

Segundo ele, o registro de voos da Força Área revela que um avião solicitado pelo Ministério do Meio Ambiente embarcou rumo a Nairobi (Quênia) no dia 13 de março com somente um passageiro. Retornou dois dias depois, trazendo três pessoas.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247