Mourão diz que não é fácil ser vice

O vice-presidente da República, Hamilton Mourão, afirmou nesta terça-feira (9) em Washington que a vice-presidência "não é fácil". Durante um evento no Brazil Institute, em Washington, ele alertou para o fato de a Constituição do país ser vaga sobre as atribuições da vice-presidência

Mourão diz que não é fácil ser vice
Mourão diz que não é fácil ser vice (Foto: Adnilton Farias/VPR)

Sputnik - O vice-presidente da República, Hamilton Mourão, afirmou nesta terça-feira (9) em Washington que a vice-presidência "não é fácil". Durante um evento no Brazil Institute, em Washington, ele alertou para o fato de a Constituição do país ser vaga sobre as atribuições da vice-presidência.

"Não é fácil ser um vice-presidente", declarou Mourão. "Você tem que ter disciplina intelectual para entender as necessidades do presidente. Eu vejo a mim mesmo como complementar ao presidente", acrescentou o general da reserva.

Mourão também disse que não há política de perseguição de minorias no governo. "O presidente Bolsonaro acredita firmemente e verdadeiramente que foi eleito para todos que estão no Brasil, então não há problema com as minorias. Nosso governo não tem política para perseguir minorias. Não é assim que nos comportamos. Todos que são brasileiros devem ficar no Brasil e não devem ter medo", disse o militar, quando questionado sobre o tema.

Ele também minimizou a participação dos militares no governo. Segundo ele, os militares, apesar de ocupar cargos na gestão do novo presidente "não estão no governo". Ele assegurou que o papel dos militares continua sendo o mesmo, exercido desde o fim do regime militar.

Ao vivo na TV 247 Youtube 247