MP pede que TCU apure se o Coaf investiga contas de Glenn Greenwald

O Ministério Público apresentou requerimento junto ao TCU para que o órgão apure se o Coaf está analisando as movimentações financeiras do jornalista Glenn Greenwald; no requerimento, o procurador Lucas Furtado afirma que qualquer iniciativa do Coaf seria uma “retaliação à divulgação das mensagens”

(Foto: Vinicius Loures/Ag. Câmara)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O Ministério Público apresentou requerimento junto ao Tribunal de Contas da União (TCU) para que o órgão apure se o Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) está analisando as movimentações financeiras do jornalista Glenn Greenwald, do site The Intercept Brasil. A informação é da coluna de Mônica Bergamo

A Polícia Federal teria pedido ao Coaf investigação sobre as contas de Greenwald, que vem revelando um conluio entre Sérgio Moro e procuradores da Operação Lava Jato em que ambos os lados (juiz e MPF-PR) extrapolam suas funções.

No requerimento, o procurador Lucas Furtado afirma que qualquer iniciativa do Coaf seria uma “retaliação à divulgação das mensagens” e, portanto, um “flagrante desvio de finalidade pública”. E pede que o TCU apure a “ocorrência de ilegalidades”.



O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email