Nassif: o futuro da democracia mundial está sendo travado no Brasil

O jornalista Luis Nassif destaca que a visita de quatro ex-primeiros ministros europeus que vieram ao Brasil em consideração a Lula, e para discutir a crise das democracias liberais, foi praticamente ignorada pela mídia convencional que não deu destaque às conclusões dos europeus de que "a grande disputa mundial se dá entre o multilateralismo e a globalização selvagem que trouxe, como contrapartida, a xenofobia e o individualismo extremado" e que" o futuro da democracia mundial está sendo travado no Brasil"

Nassif: o futuro da democracia mundial está sendo travado no Brasil
Nassif: o futuro da democracia mundial está sendo travado no Brasil

247 - O jornalista Luis Nassif destaca que a visita de quatro ex-primeiros ministros europeus que vieram ao Brasil em consideração a Lula, e para discutir a crise das democracias liberais, foi praticamente ignorada pela mídia convencional. Para ele, "os grupos de mídia ignoraram as seguintes conclusões dos europeus: A grande disputa mundial se dá entre o multilateralismo e a globalização selvagem que trouxe, como contrapartida, a xenofobia e o individualismo extremado, com o avanço dos partidos radicais e a desmoralização da democracia liberal". "O futuro da democracia mundial está sendo travado no Brasil", avalia.

O jornalista observa que "se vencer o estado de exceção, se o Judiciário se impuser sobre a política, caindo a democracia no Brasil cairá na América Latina, África e outros países. Depois da morte de Mandela, Lula se tornou o símbolo universal da luta civilizatória. Ele está para a democracia assim como Mandela esteve para a discriminação racial".

Ele destaca, ainda, que "Lula se tornou o grande símbolo das virtudes do poder político humanizado, contra o poder financeiro, aliado às tecnocracias locais – peste que está assolando a maior parte das democracias".

Leia a íntegra no GGN

 

Conheça a TV 247

Mais de Brasil

Ao vivo na TV 247 Youtube 247