Noblat sobre Moro querer investigar Greenwald: seria crime em um país democrático

O jornalista Ricardo Noblat condenou o fato de Moro pedir ao COAF um relatório sobre as atividades financeiras do jornalista Gleen Greenwald; "Em qualquer país democrático, isso seria tratado como escândalo e denunciado como crime", denuncia

(Foto: Reprodução | Lula Marques)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

O jornalista Ricardo Noblat, em sua coluna na Veja, condenou o fato de Moro  Moro pedir ao Conselho de Controle de Atividades Financeiras (COAF) do Ministério da Fazenda um relatório sobre as atividades financeiras do jornalista Gleen Greenwald, editor do site The Intercept e autor das reportagens sobre a troca de mensagens entre o ex-juiz e procuradores da Lava Jato.

"Em qualquer país democrático, isso seria tratado como escândalo e denunciado como crime"

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247