Novo presidente do conselho de secretários de saúde vai a Pazuello reclamar de operações policiais

O novo presidente do conselho de secretários de saúde se dirige ao governo para reclamar de investigações por motivações políticas e fazer pedidos que agilizem a aquisição de medicamentos e equipamentos no combate à Covid-19

Carlos Lula, presidente do conselho de secretários de saúde
Carlos Lula, presidente do conselho de secretários de saúde (Foto: Reprodução/Secretaria da Saúde Maranhão)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Após governos estaduais serem alvos de operações policiais, a primeira medida do novo presidente do conselho de secretários de saúde foi uma visita ao ministro interino Eduardo Pazuello, nesta segunda-feira (6). 

O novo presidente do conselho, Carlos Lula (MA), reclamou das motivações políticas nas operações policiais e pediu salvaguardas ao trabalho dos secretários, informa o Painel da Folha de S.Paulo. 

Carlos Lula pediu a Pazuello a criação de uma câmara de conciliação com a participação de tribunais de contas e Ministério Público. Solicitou também ajuda para agilizar um pregão eletrônico da compra de medicamentos para pacientes intubados. E instou o ministro interino a acionar o Itamaraty para que os estados consigam resolver os problemas de compras de equipamentos e remédios para a Covid-19 no exterior. 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email