Para Gaspari, Adams é advogado-geral de Fidel

Colunista do Globo critica a decisão do governo brasileiro de negar preventivamente eventuais pedidos de asilo político, que venham a ser formulados por médicos cubanos

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Para o jornalista Elio Gaspari, colunista da Folha e do Globo, o advogado-geral da União, Luís Inácio Adams, passou a ser advogado-geral de Fidel. O motivo: ter negado preventivamente a possibilidade de asilo a médicos cubanos. Leia abaixo:

O advogado-geral de Fidel Castro - ELIO GASPARI

O doutor Luís Inácio Adams informou que os médicos cubanos que vêm para o Brasil não terão direito a asilo político caso queiram se desvincular da ilha comunista. Nas sua palavras: "Me parece que não têm direito a essa pretensão. Provavelmente seriam devolvidos".

Num país que teve um presidente asilado (João Goulart) e centenas de cidadãos protegidos pelo instituto do asilo, Adams nega-o, preventivamente, a cubanos. Isso numa época em que o russo Vladimir Putin concedeu asilo a um cidadão acusado pelo governo americano de ter praticado crimes e a doutora Dilma tem um asilado na embaixada brasileira em La Paz. Noves fora a proteção dada a Cesare Battisti, acusado de terrorismo pelo governo italiano.

A tradição petista vai na direção desse absurdo. A Polícia Federal já deportou dois boxeadores cubanos durante a gestão do comissário Tarso Genro no Ministério da Justiça. (Ele foram recambiados e fugiram de novo.)

O próprio governo castrista já permitiu a saída de cidadãos para a Espanha. A vigorar a Doutrina Adams, o Brasil transforma-se numa dependência do aparelho de segurança cubano.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email