Paulo Coelho pede que ONU barre comitiva de Bolsonaro

Em mensagem direcionada ao secretário-geral das Nações Unidas, escritor afirma que integrantes da comitiva brasileira não vacinados são “mau exemplo”

Paulo Coelho critica Jair Bolsonaro
Paulo Coelho critica Jair Bolsonaro (Foto: ABR | Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News

Rede Brasil Atual - O escritor brasileiro Paulo Coelho pediu nesta sexta-feira (17), por meio de seu perfil no Twitter, que o secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), António Guterres, que proíba a entrada da comitiva do presidente Jair Bolsonaro na Assembleia-Geral da entidade.

“Secretário-geral Antonio Guterres, sei que não pode impedir a entrada de mandatários, mas seria uma vitória proibir a comitiva do presidente brasileiro de entrar. Não estão vacinados – mau exemplo hoje estampada em todos os jornais do mundo”, disse Paulo Coelho, em postagem na qual marca o perfil de Guterres. Desde 2007, o escritor é um dos mensageiros da paz das Nações Unidas.

A declaração de Paulo Coelho veio após o anúncio de que a ONU não vai exigir comprovante de vacinação contra a covid-19 das autoridades presentes na 76ª Assembleia-Geral, que começa na terça-feira (21), em Nova York.

PUBLICIDADE

O anúncio da entidade foi feito na quinta-feira. Antes, o presidente da Assembleia-Geral da ONU, Abdullah Shahid, havia comunicado aos diplomatas que defende a exigência da cidade sede do evento de comprovante de vacinação contra covid-19 para a entrada no plenário do evento.

Se de fato não tomou o imunizante como diz, Bolsonaro terá circulação limitada em Nova York já que, desde segunda-feira (13), a prefeitura passou a fiscalizar a exigência de comprovante de vacinação para entrar em bares e restaurantes. É preciso comprovar a aplicação de ao menos uma dose de alguma das vacinas aprovadas nos EUA ou pela OMS para entrar nos estabelecimentos.

PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

PUBLICIDADE

Cortes 247

PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email