Petistas temem que aliança com Alckmin abra flanco para golpe contra Lula

Lideranças do PT temem que classes dominantes tentem derrubar Lula para colocar Alckmin no lugar, uma vez que o ex-governador de São Paulo é nome palatável para a direita e o capital financeiro

www.brasil247.com - Lula e Alckmin
Lula e Alckmin (Foto: Stuckert | Rovena Rosa/Agência Brasil)


247 - A possibilidade de Geraldo Alckmin (PSDB-SP) ser vice de Lula numa chapa para concorrer à sucessão de Jair Bolsonaro em 2022 gera temor em algumas lideranças do PT, que veem a possibilidade de a presença do ex-governador estimular tentativas de derrubada de um eventual futuro governo, informa a jornalista Mônica Bergamo na Folha de S.Paulo.

Alckmin é considerado palatável para a direita e o mercado financeiro, o que facilitaria a movimentação por um golpe.

Por outro lado, lideranças petistas que apoiam a chapa Lula/Alckmin afirmam que a aliança com Alckmin ajudaria a vencer as eleições no primeiro turno.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email