Políticos e analistas do mercado temem que Bolsonaro radicalize discurso

Presidentes de partidos e analistas do mercado financeiro avaliam que, após a pesquisa Datafolha apontar queda na esperança da retomada do crescimento econômico, ou o Planalto faz mais articulações com o Congresso, ou dobra a aposta e radicaliza o discurso

Políticos e analistas do mercado temem que Bolsonaro radicalize discurso
Políticos e analistas do mercado temem que Bolsonaro radicalize discurso (Foto: Fabio Pozzebom - ABR)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Presidentes de partidos e analistas do mercado financeiro avaliam que, após a pesquisa Datafolha apontar queda na esperança da retomada do crescimento econômico, ou o Planalto faz mais articulações com o Congresso Nacional, ou dobra a aposta e radicaliza o discurso. A informação é da Segundo a coluna Painel.

De acordo com o levantamento divulgado pelo Datafolha, a porcentagem de pessoas que acreditam na melhora da economia nos próximos meses caiu de 65%, em dezembro, para 50%.

Um conselheiro de bancos e investidores avalia que Bolsonaro pode ter perdido o timing de maior influência sobre o Congresso e corre o risco de ser visto agora como um "leão sem dentes", o que seria ruim para a reforma da Previdência.

 

 

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247