Presos no Natal, petistas documentam AP 470

Enquanto José Dirceu, Delúbio Soares e José Genoino passam o primeiro Natal presos, seja na Papuda, seja em prisão domiciliar, nasce um blog, na internet, disposto a contar "o que setores da mídia não dizem sobre o suposto mensalão"; lá estão reportagens da revista Retrato do Brasil, um livro de Paulo Moreira Leite e até uma entrevista do conservador Ives Gandra Martins, em que ele diz que José Dirceu foi condenado sem provas; lançado pelo deputado estadual Fernando Mineiro (PT-RN), serve de contraponto ao discurso hegemônico que hoje aponta até que presos em regime semiaberto, mas encarcerados em regime fechado, estão tendo "regalias"

Enquanto José Dirceu, Delúbio Soares e José Genoino passam o primeiro Natal presos, seja na Papuda, seja em prisão domiciliar, nasce um blog, na internet, disposto a contar "o que setores da mídia não dizem sobre o suposto mensalão"; lá estão reportagens da revista Retrato do Brasil, um livro de Paulo Moreira Leite e até uma entrevista do conservador Ives Gandra Martins, em que ele diz que José Dirceu foi condenado sem provas; lançado pelo deputado estadual Fernando Mineiro (PT-RN), serve de contraponto ao discurso hegemônico que hoje aponta até que presos em regime semiaberto, mas encarcerados em regime fechado, estão tendo "regalias"
Enquanto José Dirceu, Delúbio Soares e José Genoino passam o primeiro Natal presos, seja na Papuda, seja em prisão domiciliar, nasce um blog, na internet, disposto a contar "o que setores da mídia não dizem sobre o suposto mensalão"; lá estão reportagens da revista Retrato do Brasil, um livro de Paulo Moreira Leite e até uma entrevista do conservador Ives Gandra Martins, em que ele diz que José Dirceu foi condenado sem provas; lançado pelo deputado estadual Fernando Mineiro (PT-RN), serve de contraponto ao discurso hegemônico que hoje aponta até que presos em regime semiaberto, mas encarcerados em regime fechado, estão tendo "regalias" (Foto: Leonardo Attuch)

247 - A julgar pelo discurso oficial da mídia, personagens como José Dirceu e Delúbio Soares, que foram condenados pelo Supremo Tribunal Federal ao regime semiaberto, mas que estão desde 15 de novembro encarcerados em regime fechado, vêm tendo "regalias" na Papuda. Em resposta a esses supostos privilégios, a Vara de Execuções Penais do Distrito Federal determinou que os dois só podem ler duas horas por dia – o que fez com que o advogado de presos políticos e ex-deputado Luiz Eduardo Greenhalgh denunciasse o que chama de "fascismo" na Papuda (leia mais aqui).

Esse é apenas o capítulo mais recente de uma história quase surreal que se passa no Brasil de hoje, onde a Justiça, antes guardiã dos direitos essenciais dos indivíduos, se transformou em trampolim para ambições políticas. Do Superior Tribunal de Justiça, Eliana Calmon já migrou para o PSB, enquanto Ellen Gracie, ex-STF, assinou a ficha de filiação do PSDB. Ainda é aguardada para março a decisão de Joaquim Barbosa, que poderá ser candidato até a presidência da República.

Enquanto a mídia aplaude o que em qualquer parte do mundo seria condenado, um deputado estadual do PT do Rio Grande do Norte, Fernando Mineiro, tomou uma iniciativa interessante. Lançou um blog, chamado de Ação 470, que reúne fatos, documentos e até provas que desmontam a história oficial contada sobre a Ação Penal 470. Lá estão, por exemplo, reportagens da revista Retrato do Brasil, de Raimundo Rodrigues Pereira, que demonstrou, de forma cabal e incontestável, que os recursos da Visanet, supostamente desviados do Banco do Brasil, foram efetivamente gastos em publicidade. Outro destaque é o livro escrito pelo jornalista Paulo Moreira Leite.

Ontem, o blog do ex-ministro José Dirceu, que vem sendo alimentado por amigos, publicou um texto sobre o Ação 470. Leia abaixo:

O que setores da mídia não dizem sobre a AP 470

23 dez 2013/0 Comentários/ destaque /Por Equipe do Blog

Queremos compartilhar com vocês a informação sobre a criação de um novo site mostrando fatos ignorados pela grande imprensa sobre a AP 470. É o “Ação 470 – O que setores da mídia não dizem sobre o suposto mensalão”.

“Esse blog nasceu para ser um contraponto ao discurso hegemônico de parte da mídia sobre o caso da Ação Penal 470, popularmente conhecida como ‘mensalão’. Reunimos publicações, reportagens especiais e artigos que expõem o outro lado da história, sem o viés político que marcou a cobertura dos veículos tradicionais de comunicação”, afirma o deputado estadual Fernando Mineiro (PT-RN) na apresentação do site.

“O objetivo é reunir, num mesmo espaço virtual, uma coletânea de textos que ofereçam uma visão mais plural, permitindo assim que as pessoas possam comparar fatos, argumentos e versões, para que tirem suas próprias conclusões”, acrescenta.

Clique aqui para conhecer e visitar o site


Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247