Reforma da Previdência ficará para depois da eleição, diz ministro

O ministro da Secretaria de Governo, Carlos Marun, afirmou que a proposta da Reforma da Previdência está suspensa e que, na melhor das hipóteses, poderá ser retomada em novembro, depois das eleições; de acordo com o titular da pasta, o Palácio do Planalto concluiu não haver segurança jurídica para revogar o decreto de intervenção federal no Rio de Janeiro, que impede a votação de uma PEC (Proposta de Emenda Constituição)

O ministro da Secretaria de Governo, Carlos Marun, afirmou que a proposta da Reforma da Previdência está suspensa e que, na melhor das hipóteses, poderá ser retomada em novembro, depois das eleições; de acordo com o titular da pasta, o Palácio do Planalto concluiu não haver segurança jurídica para revogar o decreto de intervenção federal no Rio de Janeiro, que impede a votação de uma PEC (Proposta de Emenda Constituição)
O ministro da Secretaria de Governo, Carlos Marun, afirmou que a proposta da Reforma da Previdência está suspensa e que, na melhor das hipóteses, poderá ser retomada em novembro, depois das eleições; de acordo com o titular da pasta, o Palácio do Planalto concluiu não haver segurança jurídica para revogar o decreto de intervenção federal no Rio de Janeiro, que impede a votação de uma PEC (Proposta de Emenda Constituição) (Foto: Leonardo Lucena)

247 - O ministro da Secretaria de Governo, Carlos Marun, afirmou que a proposta da Reforma da Previdência está suspensa e que, na melhor das hipóteses, poderá ser retomada em novembro, depois das eleições. De acordo com o titular da pasta, o Palácio do Planalto concluiu não haver segurança jurídica para revogar o decreto de intervenção federal no Rio de Janeiro, que impede a votação de uma PEC (Proposta de Emenda Constituição).

"A questão da segurança pública assumiu um caráter tão explosivo que tornou necessário tomar uma medida e o efeito colateral neste momento é a suspensão da reforma previdenciária", disse Marun.

Marun afirmou que, para evitar o crescimento do déficit público, a equipe econômica estuda medidas para aliviar as contas públicas, mas ele não detalhou as alternativas.

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247