Relatório final da CPI da Petrobras deve incluir políticos, dizem aliados de Cunha

Deputados aliados do presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), irão pleitear que o relatório final da CPI da Petrobras inclua o nome de todos os políticos envolvidos no esquema de desvios e corrupção na estatal, incluindo o da presidente Dilma Rousseff e o do próprio presidente da Casa; voto do partido, que será apresentado pelo deputado Carlos Marun (MS), porém, não pedirá o indiciamento de nenhum dos citados pelos delatores da Operação Lava Jato

Deputados aliados do presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), irão pleitear que o relatório final da CPI da Petrobras inclua o nome de todos os políticos envolvidos no esquema de desvios e corrupção na estatal, incluindo o da presidente Dilma Rousseff e o do próprio presidente da Casa; voto do partido, que será apresentado pelo deputado Carlos Marun (MS), porém, não pedirá o indiciamento de nenhum dos citados pelos delatores da Operação Lava Jato
Deputados aliados do presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), irão pleitear que o relatório final da CPI da Petrobras inclua o nome de todos os políticos envolvidos no esquema de desvios e corrupção na estatal, incluindo o da presidente Dilma Rousseff e o do próprio presidente da Casa; voto do partido, que será apresentado pelo deputado Carlos Marun (MS), porém, não pedirá o indiciamento de nenhum dos citados pelos delatores da Operação Lava Jato (Foto: Paulo Emílio)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Deputados aliados do presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), cobrarão que o relatório final da CPI da Petrobras inclua o nome de todos os políticos envolvidos no esquema de desvios e corrupção na estatal, incluindo o da presidente Dilma Rousseff e o próprio presidente da Casa.

O voto, que deverá ser apresentado nesta quarta-feira (21) pelo deputado Carlos Marun (MS), quer registrar apenas o nome de políticos, de diversos partidos, que foram citados pelos delatores da Operação Lava Jato. Os aliados de Cunha, porém, pedem apenas a citação do nome dos políticos no relatório, sem necessariamente sugerir o indiciamento.

Cunha tem dito reiteradas vezes a vários de seus aliados que estão querendo que ele se torne o "pai do petrolão", em uma tentativa de desviar o foco quanto ao fato de membros da base governista estarem envolvidos no esquema. Cunha foi denunciado pela Procuradoria Geral da República como beneficiário do esquema de corrupção na estatal, além de manter contas secretas em um banco da Suíça.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247