Responsável pelo Enem, presidente do Inep é demitido

Pouco mais de duas semanas após tomar posse, governo Jair Bolsonaro (PSL) exonerou, nesta quinta-feira (16), o presidente do Inep, Elmer Vicenzi, sendo a primeira baixa do Ministério da Educação sob o comando de Abraham Weintraub

www.brasil247.com - Responsável pelo Enem, presidente do Inep é demitido
Responsável pelo Enem, presidente do Inep é demitido


247 - Nomeado há apenas 15 dias, Elmer Vicenzi, o presidente do Inep (Instituto Nacional de Pesquisas e Estudos Educacionais), foi demitido nesta quinta-feira (16).

Ex-delegado da Polícia Federal, Vicenzi entrou no lugar após a demissão de Marcus Vinicius Rodrigues, que foi o primeiro a assumir o posto na gestão de Jair Bolsonaro e caiu porque resolveu acabar com a avaliação de alfabetização e por conta de uma disputa interna entre olavistas e militares.

O Inep é responsável pelo Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e Vicenzi estava em meio a uma disputa com integrantes do ministério. Segundo fontes, deve ter sido o exame a causa de sua demissão.

Na terça-feira, em reunião na Comissão de Educação da Câmara, Vicenzi afirmou que o presidente Jair Bolsonaro não pediu para ver o Enem, conforme ele disse que faria. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

"Não foi pedido ao Inep, de nenhuma autoridade superior, ministro da Educação ou presidente, para ler a prova", disse Vicenzi na ocasião. "Se o presidente pedir, fará obediência normativa. Havendo normativo, fará. Não havendo, não fará. Quem fala sobre normativos? A Advocacia-Geral da União", completou ele.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email