Rui Costa Pimenta: sofremos risco concreto de um novo golpe militar

Em sua análise semanal, o presidente do PCO, Rui Costa Pimenta, denuncia que o Brasil está prestes a enfrentar um novo golpe militar, afirmando que há um conluio em formação desde o golpe de 2016, que conta com o apoio dos estadunidenses e imprensa hegemônica; "Por isso é preciso mobilizar o povo contra a ditadura militar, é hora da esquerda abrir o olho", alerta; assista a íntegra da análise de Rui Costa Pimenta, na TV 247 

Rui Costa Pimenta: sofremos risco concreto de um novo golpe militar
Rui Costa Pimenta: sofremos risco concreto de um novo golpe militar

TV 247 - "O povo brasileiro corre risco de sofrer um golpe militar", assim constata o presidente do Partido da Causa Operária (PCO), Rui Costa Pimenta, em sua análise semanal na TV 247. O dirigente político denuncia que as Forças Armadas estão cada vez mais ativas na vida política do País, atuando em setores estratégicos, como o STF, e através da candidatura de Jair Bolsonaro, sendo o general Hamilton Mourão seu vice. "Sem a mobilização popular, não conseguiremos deter o quadro", expõe. 

Ao analisar o segundo turno, Pimenta critica a postura de Ciro Gomes, que foi tirar férias na Europa em pleno segundo turno. "Ele sempre foi um cavalo de troia que pretende tirar votos do PT, nunca apoiaria a candidatura de Fernando Haddad", constata. 

O presidente do PCO também não vê a possibilidade da união dos setores progressistas no segundo turno. "Ninguém irá apoiar o PT no segundo turno, não existe possibilidade de frente democrática", avalia. 

No entanto, Pimenta ressalta que uma grande mobilização popular, convocada pelos movimentos sociais, poderiam conter o avanço o fascismo. "A questão é que ninguém que mobilizar ninguém", lamenta.

Discorrendo sobre a influência dos militares na vida política do Brasil, Pimenta ressalta que o povo corre um grande risco de sofrer um golpe militar. "O regime político está dominado pelos militares, eles já discutiram publicamente a possibilidade de aplicarem uma intervenção", declara.

Pimenta denuncia que há um conluio em formação desde o golpe de 2016, que conta com o apoio dos estadunidenses e imprensa. "Por isso é preciso mobilizar o povo contra a ditadura militar, e hora da esquerda abrir o olho", alerta. 

Inscreva-se na TV 247 e confira a análise Rui Costa Pimenta

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247