Rui Falcão denuncia Bolsonaro à Organização Mundial de Saúde

De acordo com o deputado federal Rui Falcão (PT-SP), o comportamento, as declarações e a "funesta" campanha, barrada pela Justiça, "O Brasil não pode parar", podem ser qualificados como "atentados à paz e à saúde individual e coletiva pátria"

(Foto: Brasil247 | Marcos Corrêa/PR)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O deputado federal Rui Falcão (PT-SP) encaminhou nesta segunda-feira (6) à Organização Mundial da Saúde (OMS) uma denúncia e um pedido de providências diante dos pronunciamentos de Jair Bolsonaro. O País tem pelo menos 11,6 mil confirmações e 513 mortes em decorrência do coronavírus. 

De acordo com o documento do parlamentar, o comportamento, as declarações e a "funesta" campanha, barrada pela Justiça, "O Brasil não pode parar", podem ser qualificados como "atentados à paz e à saúde individual e coletiva pátria". 

O congressista pediu que a OMS exija "esclarecimentos e retratações" de Bolsonaro. O deputado entende que o ocupante do Planalto e sua equipe violam o Código Sanitário Pan-Americano, afrontam orientações sanitárias e científicas e colocam em risco a população do Brasil e "de todo o mundo". 

Falcão solicita à OMS que o litígio do governo brasileiro encabeçado por Bolsonaro seja levado às Nações Unidas "para as providências necessárias e a seu bom e efetivo cumprimento".

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email