Tinha um time para prender o Lula e o Moro fazia parte dele, diz Mano Brown sobre a Vaza Jato

Para o rapper Mano Brown, os diálogos revelados pelo site The Intercept, que mostram o conluio do ex-juiz e atual ministro da Justiça, Sérgio Moro, e procuradores da Operação Lava Jato, deixam claro que “tinha um time para prender o Lula e o Moro fazia parte dele”

247 - Para o rapper Pedro Paulo Soares Pereira,  mais conhecido como Mano Brown, os diálogos revelados pelo site The Intercept, que mostram o conluio do ex-juiz e atual ministro da Justiça, Sérgio Moro, e procuradores da Operação Lava Jato deixam claro que “tinha um time para prender o Lula e o Moro fazia parte dele”. 

“Um juiz não pode ser do time da acusação. O Moro não agiu como juiz, mas como um pivô que escora para o centroavante mandar a bola no ângulo. Me lembrou a dupla Edmundo e Romário. O Moro é o Edmundo, só fez o pivô”, disse o líder dos Racionais Mc's,a maior banda de rap do Brasil,  em entrevista à revista Veja

O rapper também ressaltou que ainda está “tentando entender o novo Brasil, para eu ver onde me encaixo, onde posso ser útil. Mas não quero ser pedra no sapato da sociedade, da favela. Encheu o saco. Enchedor de saco oficial, não sou esse cara. Quero ficar de boa, deixar os outro de boa. O povo escolheu o que quer”, destacou. 

Indagado sobre o que acha dos primeiros meses do governo de Jair Bolsonaro, ele foi enfático. “O mesmo de antes: sabe nada. Mas votaram nesse cara? Vamos respeitar. Pode discordar, mas tem que saber respeitar. Não sou daqueles que acham que o povo não sabe o que faz. Pelo contrário. O voto fala, opinião pública fala, internet fala, rede social fala. Ignora quem quer, tá ligado?. Ficar quatro anos sabotando o governo desse cara? Não. O povo escolheu, o povo cuida disso”, disse. 

Ainda segundo ele, os rumos da política atual apontam que o governador de São Paulo, João Doria (PSDB)poderá ser o próximo presidente. “Para isso que o país está caminhando”, disse. 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247