Toffoli não será Cármen, avisa ex-presidente do STF

Em entrevista à BBC Brasil, o ex-ministro do STF, Sydney Sanches afirmou que o clima de disputa política no Supremo cria uma "mácula" na história do Judiciário;ele disse que Cármen Lúcia não coloca em votação a prisão em segunda instância porque "pareceria um casuísmo", mas tudo será diferente a partir de 14 de setembro "porque o ministro Toffoli assume a presidência e já tem posição bem definida" no sentido contrário

Toffoli não será Cármen, avisa ex-presidente do STF
Toffoli não será Cármen, avisa ex-presidente do STF

247 - Em entrevista à BBC Brasil, o ex-ministro do STF, Sydney Sanches, que foi presidente do Supremo em 1992, afirmou que o clima de disputa política existente no Supremo cria uma "mácula" na história do Judiciário brasileiro. Ele disse que Cármen Lúcia não coloca em votação a prisão em segunda instância porque "pareceria um casuísmo", mas tudo será diferente a partir de 14 de setembro "porque o ministro Toffoli assume a presidência e já tem posição bem definida no sentido de que a prisão não pode ocorrer com a condenação em segunda instância".

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247