“Achei que o vírus era fake”, disse jovem que morreu após participar de “Festa Covid”

Pouco antes de falecer por Covid-19, o jovem estadunidense confessou: "acho que cometi um erro"

Aglomeração
Aglomeração (Foto: Reprodução/ABC News)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Revista Fórum - Um homem de 30 anos que estava internado com coronavírus no Hospital Metodista de San Antonio, no Texas, após participar de uma “Festa Covid”, morreu na última semana. “Acho que cometi um erro”, disse antes de falecer.

O homem teria participado de uma “Festa Covid”, eventos que têm sido realizados por pessoas que têm uma postura negacionista quanto à pandemia nos Estados Unidos. Alguém diagnosticado com Covid-19 organiza a festa para os seus amigos, num suposto desafio para testar se o vírus é real e se alguém se contamina.

A informação foi divulgada pela médica Jane Appleby a veículos de imprensa estadunidenses. Appleby afirmou que não pretende assustar as pessoas, mas sim garantir que elas entendam que o vírus pode infectar qualquer um.

Leia mais na Fórum.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email