Com mais de 32,6 mil mortes, Brasil registra mais de 587 mil casos confirmados da Covid-19

No Amapá, cerca de 98% dos leitos de UTI estão ocupados. A taxa de ocupação também supera 90% nos estados do Pernambuco (98%), Maranhão (97,5%) e Rio Grande do Norte (93%). Brasil segue na segunda colocação do ranking mundial de países com mais infectados

Enterro de vítima do coronavírus no cemitério da Vila Formosa, em São Paulo (SP) 26/05/2020
Enterro de vítima do coronavírus no cemitério da Vila Formosa, em São Paulo (SP) 26/05/2020 (Foto: REUTERS/Amanda Perobelli)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - As secretarias estaduais de saúde registraram, até a manhã desta quinta-feira (4), cerca de 587.017 casos confirmados da Covid-19 e 32.602 mortes provocadas pela doença no Brasil. O levantamento é do portal G1

O último balanço do Ministério da Saúde, divulgado no final da tarde de terça-feira (2), informa 32.548 mortos e 584.016 casos de contágio pelo novo coronavírus no país, acrescenta a reportagem. Na última quarta-feira (3), foram registradas 1.349 mortes em 24 horas. 

O Brasil segue cravado na segunda posição do ranking mundial de países com o maior número de casos da Covid-19, atrás apenas dos Estados Unidos que registrava 1,7 milhão de infectados até o último domingo (31). 

O diretor de emergências da OMS destacou que o Brasil tem registrado, entre os demais países do globo, o maior aumento recente do número de casos confirmados da Covid-19.

No Amapá, cerca de 98% dos leitos de UTI estão ocupados. A taxa de ocupação também supera 90% nos estados do Pernambuco (98%), Maranhão (97,5%) e Rio Grande do Norte (93%).

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email