Gatos ficam imunes ao novo coronavírus e podem ajudar com vacina, diz pesquisa

Gatos infectados pelo novo coronavírus podem desenvolver resposta imune, aponta um estudo publicado na revista científica Pnas (Proceedings of the National Academy of Sciences). Apesar de infectados, os bichanos não desenvolvem a doença Covid-19 e “é uma promessa de que uma estratégia de vacina pode proteger, por extensão, humanos”

Saiba como evitar doenças transmitidas pelo seu gato
Saiba como evitar doenças transmitidas pelo seu gato
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – Gatos infectados pelo novo coronavírus podem desenvolver resposta imune, aponta um estudo publicado na revista científica norte-americana Pnas (Proceedings of the National Academy of Sciences), na terça-feira (29). “A resistência à reinfecção é uma promessa de que uma estratégia de vacina pode proteger gatos e, por extensão, humanos”, diz. A reportagem é do jornal Folha de S. Paulo. 

O estudo foi realizado por cientistas da Escola de Medicina Veterinária da Universidade Estadual do Colorado, nos EUA, para investigar a possibilidade de transmissão do coronavírus entre humanos e animais domésticos, acrescenta a reportagem. 

A conclusão, de acordo com os pesquisadores, diz que os gatos são altamente suscetíveis à infecção, com período de até cinco dias de eliminação viral, oral e nasal, sem apresentar sinais clínicos. Apesar de infectados, os bichanos não desenvolvem a doença Covid-19. 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247