Iniciativa conjunta da UnB e Universidade de NY busca tratamento para a Covid-19 à base de plasma de pessoas recuperadas

Estudiosos de países como Brasil, Holanda e China se unem em nova iniciativa

Agente de saúde recolhe plasma de paciente recuperada de Covid-19 em hospital de Seattle, EUA, em17/04/2020
Agente de saúde recolhe plasma de paciente recuperada de Covid-19 em hospital de Seattle, EUA, em17/04/2020 (Foto: REUTERS/Lindsey Wasson/File Photo)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Foi lançada uma nova parceria entre pesquisadores ao redor do mundo, liderada pela Universidade de Nova York (NYU) e contando com a participação da Universidade de Brasília (UnB), que visa acelerar a análise de dados sobre um possível tratamento para a Covid-19 à base de plasma de pessoas recuperadas.

Eva Petrova, pesquisadora da NYU, informou ao Metrópoles que a cooperação entre pesquisadores de diferentes países é fundamental no processo de desenvolvimento de um tratamento.

“A forma como a pandemia evolui mostra que nenhuma instituição, ou mesmo um único país, reunirá informações suficientes e dados de alta qualidade para entender em tempo real quais terapias são eficazes”, apontou Petrova.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247