Médicos da USP pedem manutenção de isolamento social para evitar alta de covid-19

Dirigentes e médicos do Hospital das Clínicas de Ribeirão Preto, que atende a toda a região nordeste do estado de São Paulo, pedem que quarentena se mantenha para evitar aumento de casos de covid-19

(Foto: Guilherme Gandolfi)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Um grupo de dirigentes e médicos da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, da USP, e do Hospital das Clínicas da mesma instituição defendem em estudo a manutenção do isolamento social como forma de evitar o pico prematuro de incidência da Covid-19 na região.

O estudo assinala que uma tentativa de flexibilização precoce e não articulada do isolamento social poderia levar a população a acreditar que o pior momento da crise já tenha sido superado, comprometendo o esforço que está em curso para preparar o sistema de saúde para salvar vidas, informa em sua coluna a jornalista Mônica Bergamo.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo APOIA.se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247