Número diário de mortes na Itália sobe, mas novos casos têm mínima em um mês

O número total de mortos desde o surgimento do surto no país, em 21 de fevereiro, chegou a 21.067, informou a Agência de Proteção Civil. É o segunda maior índice no mundo, atrás apenas dos Estados Unidos

Policiais conferem documentação de barco em canal de Veneza, na Itália 14/04/2020
Policiais conferem documentação de barco em canal de Veneza, na Itália 14/04/2020 (Foto: REUTERS/Manuel Silvestri)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

ROMA (Reuters) - As mortes pela epidemia de Covid-19 na Itália subiram em 602 nesta terça-feira, ante alta de 566 no dia anterior, registrando um segundo aumento diário consecutivo, mas as novas infecções diminuíram para 2.972, ante 3.153, registrando o menor número diário desde 13 de março.

O número total de mortos desde o surgimento do surto no país, em 21 de fevereiro, chegou a 21.067, informou a Agência de Proteção Civil, o segunda maior índice no mundo, atrás apenas dos Estados Unidos.

O número de casos oficialmente confirmados subiu para 162.488, a terceira maior contagem global atrás dos Estados Unidos e da Espanha.

Havia 3.186 pessoas em terapia intensiva nesta terça-feira, contra 3.260 na segunda-feira — o 11º declínio diário consecutivo.

Dos infectados originalmente, 37.130 foram declarados recuperados, contra 35.435 no dia anterior.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247