Bárbara Paz faz protesto contra a censura ao ganhar prêmio em Veneza

"Este prêmio é muito importante para o meu país. Precisamos dizer não à censura: vida longa à liberdade de expressão!", disse Paz ao receber o prêmio

(Foto: Divulgação)

Da revista Fórum – Em sua estreia na direção de longas, Bárbara Paz conquistou o Prêmio da Crítica Independente no 76ª edição do Festival de Veneza pelo documentário “Babenco: Alguém Tem que Ouvir o Coração e Dizer: Parou”. Em seu discurso no evento, Bárbara se manifestou contra a censura no Brasil e fez coro pela liberdade de expressão.

“Este prêmio é muito importante para o meu país. Precisamos dizer não à censura: vida longa à liberdade de expressão!”, disse Paz ao receber o prêmio, em referência à tentativa do governo de Jair Bolsonaro de censurar conteúdo de filmes a receberem recursos públicos.

“Estou muito emocionada e honrada. Hector dizia que fazer filmes era viver um dia a mais”, disse. “Hector, obrigada por acreditar em mim. Amo-o para sempre”, completou.

Leia a íntegra na Fórum

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247