Chico Buarque assina manifesto em defesa de Aroeira, que Bolsonaro quer investigar

"Não aceitamos mais delírios obscurantistas. Não aceitamos intimidações. Abaixo o autoritarismo", diz o texto do manifesto

Renato Aroeira e Chico Buarque
Renato Aroeira e Chico Buarque (Foto: Ederson Casartelli/247 | Divulgação)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O cantor e compositor Chico Buarque assinou o manifesto em defesa do jornalista e chargista Renato Aroeira, autor de uma charge que virou alvo de pedido de investigação do ministro da Justiça, André Mendonça, do governo Jair Bolsonaro. Com informações de Mônica Bergamo, da Folha de S. Paulo.

O manifesto defende a liberdade da arte e repudia "delírios obscurantistas". "Ao dizer que um desenho de humor leva perigo à integridade do Estado, o ministro expressa um delírio fanático e alimenta as fantasias totalitárias dos criminosos que promovem ataques crescentes contra a democracia no Brasil. Não aceitamos mais delírios obscurantistas. Não aceitamos intimidações. Abaixo o autoritarismo".

O abaixo-assinado já conta com mais de 55 mil assinaturas.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247