'Não somos doentes', diz Pabllo Vittar; veja reações de famosos à 'cura gay'

Diversos artistas e outras personalidades da mídia se manifestaram contra a decisão da Justiça Federal que deixou psicólogos livres para oferecer tratamentos de cura para a homossexualidade; Pabllo Vittar, Paulo Gustavo e Anitta, além da jornalista Fernanda Gentil, protestaram contra a liminar, que anula os efeitos de uma resolução de 1999 do Conselho Federal de Psicologia que proíbe a oferta desse tipo de tratamento no país

Diversos artistas e outras personalidades da mídia se manifestaram contra a decisão da Justiça Federal que deixou psicólogos livres para oferecer tratamentos de cura para a homossexualidade; Pabllo Vittar, Paulo Gustavo e Anitta, além da jornalista Fernanda Gentil, protestaram contra a liminar, que anula os efeitos de uma resolução de 1999 do Conselho Federal de Psicologia que proíbe a oferta desse tipo de tratamento no país
Diversos artistas e outras personalidades da mídia se manifestaram contra a decisão da Justiça Federal que deixou psicólogos livres para oferecer tratamentos de cura para a homossexualidade; Pabllo Vittar, Paulo Gustavo e Anitta, além da jornalista Fernanda Gentil, protestaram contra a liminar, que anula os efeitos de uma resolução de 1999 do Conselho Federal de Psicologia que proíbe a oferta desse tipo de tratamento no país (Foto: Charles Nisz)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Diversos artistas e personalidades criticaram a decisão da Justiça Federal que deixou psicólogos livres para oferecer tratamentos de cura para a homossexualidade. Nas redes sociais, artistas como Pabllo Vittar, Paulo Gustavo e Anitta, além da jornalista Fernanda Gentil, protestaram contra a liminar, que anula os efeitos de uma resolução de 1999 do Conselho Federal de Psicologia que proíbe a oferta desse tipo de tratamento no país.

A cantora drag Pabllo Vittar, por exemplo, publicou duas mensagens em seu Twitter: primeiro, disse "não somos doentes"; depois, acrescentou que "o preconceito não vai vencer". Já o comediante Paulo Gustavo ironizou a decisão, num vídeo dizendo que está tomando remédios para "curar" a homossexualidade.

"Como é que cura um ser humano de amar o outro? E aí, tem esse remédio?", questionou Preta Gil. Outra artista criticando a decisão da Justiça Federal foi a cantora Anitta, que disse estar "devastada". A cantora baiana Claudia Leitte ressaltou a importância e a beleza da diversidade e disse ainda que decisões como a do juiz são retrocessos que geram mais violência, lembrando que homofobia é crime.

Já Valesca Popozuda seguiu o caminho de Paulo Gustavo e usou da ironia para se manifestar contra a decisão, na segunda-feira. A cantora brincou no Twitter dizendo que "90% da equipe não iria trabalhar por causa da doença": "estão todos gays", disse ela numa postagem no Twitter. Nesta terça-feira, a cantora se manifestou novamente contra a liminar através de uma postagem em outra rede social.

 

Tentando me curar dessa doença, mas tá difícil..... Ô @paulogustavo31 , obteve sucesso aí??????? #algumadica?

Uma publicação compartilhada por Fernanda Gentil - Oficial (@gentilfernanda) emSet 18, 2017 às 4:15 PDT

 

That's what happens in my country. People dying, hungry, the government killing the country with corruption, no education, no hospitals, no opportunities... and the authorities are wasting their time to announce that homosexuality is a sickness. Homosexuals and bisexuals now have a treatment for this "sickness" here. So I ask... who is the real sick person here? I'm praying God that these real sick people find the cure of these crazy minds and start to look at the real important things here. / O Brasil se devastando e as autoridades preocupadas com quem queremos nos relacionar. Isso precisa acabar. Deus, cure a doença da cabeça do ser humano que não enxerga os verdadeiros problemas de uma nação. Pais, não obriguem seus filhos a procurarem cura pra uma doença que não existe, baseados neste fato político. Essa busca interminável sim pode deixa-los realmente doentes.

Uma publicação compartilhada por anitta 🎤 (@anitta) emSet 18, 2017 às 5:17 PDT

 

Eu passei o dia trabalhando e acabei de abrir os portais de notícias. São tantas as nossas lutas diárias! Só Deus sabe! O pior é que a gente ainda encontra tempo pra dificultar um pouco mais essa vida! Quando vamos compreender que o mundo é feito de diversas cores? E vamos aceitar que há diversidade na natureza por uma razão maior do que nossos olhos podem ver? QUANDO a gente vai perceber que é por conta das nossas diferenças que somos tão bonitos?! Todos precisamos de respeito! Todos temos os mesmos direitos! Retrocessos como acreditar que a condição sexual pode ser mudada torna nossa caminhada tão escura e sombria... Doença mesmo é o desafeto, a ausência de compaixão e, caso não fique claro, vale ressaltar, homofobia é crime e leva ao crime! Mais AMOR! 🌈

Uma publicação compartilhada por Claudia Leitte (@claudialeitte) emSet 18, 2017 às 8:20 PDT

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247