Belluzzo se revolta com Levy; Merval elogia

Economista do grupo da Unicamp teria ficado indignado com a escolha de Joaquim Levy para o ministério da Fazenda; nome foi considerado muito pró-mercado por economistas e intelectuais do PT; já Merval Pereira considera que a escolha é um "avanço no quadro econômico muito bem-vindo"

Economista do grupo da Unicamp teria ficado indignado com a escolha de Joaquim Levy para o ministério da Fazenda; nome foi considerado muito pró-mercado por economistas e intelectuais do PT; já Merval Pereira considera que a escolha é um "avanço no quadro econômico muito bem-vindo"
Economista do grupo da Unicamp teria ficado indignado com a escolha de Joaquim Levy para o ministério da Fazenda; nome foi considerado muito pró-mercado por economistas e intelectuais do PT; já Merval Pereira considera que a escolha é um "avanço no quadro econômico muito bem-vindo" (Foto: Gisele Federicce)

247 – A escolha de Joaquim Levy para o ministério da Fazenda causou alvoroço em reunião que acontecia, no momento do vazamento do nome, entre economistas e intelectuais do PT. Segundo a coluna Painel, Luiz Gonzaga Belluzo foi o mais indignado:

Cabelos... No momento em que o convite de Dilma a Joaquim Levy vazou, ontem, acontecia uma reunião de economistas e intelectuais do PT, em São Paulo.

... em pé Imediatamente começou o bombardeio ao nome, considerado muito pró-mercado. O mais indignado era Luiz Gonzaga Belluzo, do grupo da Unicamp.

Por outro lado, Merval Pereira defende a indicação da presidente Dilma em sua coluna deste sábado 22 no jornal O Globo. Para ele, a nomeação, que ainda deve ser confirmada na próxima semana, é um "avanço no quadro econômico muito bem-vindo".

A escolha, na opinião do colunista, "parece promissora para a tomada de decisões do segundo governo de Dilma, indicando um retorno à racionalidade econômica".

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247