Bolsonaro desafia Guedes e diz que reforma da Previdência mata idosos

Racha o projeto bolsonarista: presidente eleito disse nesta sexta-feira (30) que a reforma da Previdência nos moldes propostos atualmente seria matar idoso; "Essa que está aí não está sendo justa no meu entender. Não podemos querer salvar o Brasil matando idoso", disse ele; proposta defendida pelo ministro da Economia de Bolsonaro, Paulo Guedes, é ainda pior do que a proposta pelo governo de Michel Temer; Guedes defende um regime de capitalização na previdência, nos moldes implantados pelo Chile durante a ditadura de Augusto Pinochet, que tem provocado alto número de suicídios de idosos

Bolsonaro desafia Guedes e diz que reforma da Previdência mata idosos
Bolsonaro desafia Guedes e diz que reforma da Previdência mata idosos
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) afirmou nesta sexta-feira (30) que a reforma da Previdência nos moldes propostos atualmente seria matar idoso. "Essa que está aí não está sendo justa no meu entender. Não podemos querer salvar o Brasil matando idoso", disse Bolsonaro, durante visita a um centro católico no interior de São Paulo,

A proposta defendida pelo ministro da Economia de Bolsonaro, Paulo Guedes, é ainda pior do que a proposta pelo governo de Michel Temer. Guedes defende um regime de capitalização na previdência, nos moldes implantados pelo Chile durante a ditadura de Augusto Pinochet, que tem provocado alto número de suicídios de idosos.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247