Brasil cai na preferência de investidores estrangeiros

Pela primeira vez em quatro anos, País recuou do 4º ao 5º lugar no ranking, segundo pesquisa da agência das Nações Unidas para o Comércio e Desenvolvimento

Brasil cai na preferência de investidores estrangeiros
Brasil cai na preferência de investidores estrangeiros (Foto: Shutterstock)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Os investidores estrangeiros parecem mesmo ter notado que o Brasil deixou de ser "o último peru gordo de Natal", como diz o ministro da Fazenda, Guido Mantega. Segundo a agência das Nações Unidas para o Comércio e Desenvolvimento (Unctad), o Brasil caiu do 4º para o 5º lugar na preferência dos estrangeiros como destino preferencial de investimentos até 2014. O ranking que aponta o recuo de posições do País de 2011 para este ano foi divulgado nesta quinta-feira, 5, pela Sociedade Brasileira de Estudos de Empresas Transnacionais e da Globalização Econômica (Sobeet).

O Brasil ficou na 5º posição atrás de Indonésia, Índia, Estados Unidos e China.

"O País vinha ganhando posição nos últimos quatro anos, mas, nesse ano, perdeu participação para a Indonésia. Seguimos em posição de destaque, mas começamos a perder espaço", comentou Luis Afonso Lima, presidente da Sobeet, em matéria do G1.

A América Latina, segundo a Unctad, é a região com menor expectativa de crescimento de investimento estrangeiro direto (IED) no longo prazo. A agência prevê aumento de apenas 4% no ingresso de IED na região em 2014 em relação a 2011. Nas economias desenvolvidas, ao contrário, a expectativa é de que o IED aumente 24% e, nas economias em desenvolvimento, 23%.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247