China espera que EUA quebrem o gelo com cooperação econômica e comércio

O vice-ministro das Relações Exteriores da China, Le Yucheng, avalia que há elementos positivos nas declarações recentes da representante comercial estadunidense, Katherine Tai, mas se opõe resolutamente às acusações infundadas feitas contra o país asiático

Vice-ministro das Relações Exteriores da China, Le Yucheng
Vice-ministro das Relações Exteriores da China, Le Yucheng (Foto: Reprodução/CGTN)
Siga o Brasil 247 no Google News

Rádio Internacional da China - Em uma entrevista recente ao Grupo de Mídia da China (CMG, na sigla em inglês), o vice-ministro das Relações Exteriores da China, Le Yucheng, disse que observou que existem alguns elementos positivos nas declarações recentes da representante comercial estadunidense, Katherine Tai. Assista aqui à entrevista.

Ela mencionou que as economias dos dois países estão "religadas". Todavia, Le Yucheng se opõe resolutamente às acusações infundadas dela sobre a China. Ele exortou ao governo norte-americano que trabalhe com a comunidade empresarial para transformar a cooperação econômica e o comércio em um "navio quebra-gelo" nas relações bilaterais.

PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

PUBLICIDADE

Cortes 247

PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email