Depois de ataques da Lava Jato e crise mundial, Petrobras perde liderança em receita para JBS

As últimas vezes que a Petrobras não teve a maior receita do País foram no quarto trimestre de 1997 e no primeiro trimestre de 1998, durante os desmontes do governo de FHC

16/10/2019. REUTERS/Sergio Moraes
16/10/2019. REUTERS/Sergio Moraes (Foto: REUTERS/Sergio Moraes)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A JBS tornou-se liderança entre as maiores receitas de empresas brasileiras, passando a Petrobras. No segundo trimestre, o frigorífico gerou R$ 67,6 bilhões contra R$ 50,9 bilhões da estatal, segundo a Economatica.

As últimas vezes que a Petrobras não teve a maior receita do País foram no quarto trimestre de 1997 e no primeiro trimestre de 1998, durante os desmontes do governo neoliberal de Fernando Henrique Cardoso (PSDB).

Desde então, a Petrobras lidera os ganhos no País. Porém, após os ataques da Operação Lava Jato, durante o golpe, contra a empresa, junto com a queda nos preços do petróleo e a pandemia do coronavírus - tendo que paralisar algumas plataformas -  a empresa perdeu faturamento, no momento em que os governos de Michel Temer e Jair Bolsonaro têm procurado desmontar a estatal.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247