Desemprego vai a 12,3% e alcança 12,86 mi de brasileiros

Dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) do IBGE apontam que a taxa de desemprego no trimestre encerrado em julho ficou em 12,3%; índice dos chamados desocupados – que estão em busca uma vaga ou recolocação - corresponde a um total de 12,86 milhões de pessoas fora do mercado de trabalho; contingente de trabalhadores informais no trimestre encerrado em julho chegou a 11,1 milhões de brasileiros, alta de 3,4% sobre o mesmo período do ano anterior

Desemprego vai a 12,3% e alcança 12,86 mi de brasileiros
Desemprego vai a 12,3% e alcança 12,86 mi de brasileiros (Foto: REUTERS/Paulo Whitaker)

247 - Dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) Contínua, realizada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), apontam que o desemprego continua em alta no Brasil. Segundo o levantamento, a taxa de desemprego no trimestre encerrado em julho ficou em 12,3%, ligeiramente inferior ao trimestre encerrado em junho, que foi de 12,4%.

O índice dos chamados desocupados – que estão em busca uma vaga ou recolocação - corresponde a um total de 12,86 milhões de pessoas fora do mercado de trabalho. No trimestre encerrado em abril, este número era de 13,4 milhões de trabalhadores.

Apesar da melhora do indicador, parte da massa de trabalhadores atualmente está atuando no mercado informal, sem amparo da legislação trabalhista e ganhando salários menores que os trabalhadores formais. O contingente de trabalhadores informais no trimestre encerado em julho chegou a 11,1 milhões de pessoas, alta de 3,4% sobre o mesmo período do ano anterior. 

Conheça a TV 247

Mais de Economia

Ao vivo na TV 247 Youtube 247