Grupo de empresários ligados a Flávio Rocha vai entregar projeto de imposto único à Bolsonaro

Grupo Brasil 200, que tem entre seus integrantes os donos da Havan e da Riachuelo, Luciano Hang e Flávio Rocha, respectivamente, irá entregar nos próximos dias a proposta de uma reforma tributária paralela, visando a criação do chamado imposto único, beneficiando apenas as movimentações financeiras

Jair Bolsonaro e Flávio Rocha
Jair Bolsonaro e Flávio Rocha (Foto: Reprodução)

247 - O grupo Brasil 200, que reúne empresários favoráveis à agenda econômica do governo Jair Bolsonaro e que tem entre seus integrantes os donos da Havan e da Riachuelo,  Luciano Hang e Flávio Rocha, respectivamente, irá entregar nos próximos dias a proposta de uma reforma tributária paralela, visando a criação do chamado imposto único. 

De acordo com o blog do jornalista Guilherme Amado, o documento – que na prática implica na criação de um, novo imposto -, será entregue à Bolsonaro pelo presidente do Brasil 200, Gabriel Kanner, sobrinho de Flávio Rocha. 

O senador Flávio Bolsonaro, filho do presidente, já teria se comprometido com o grupo em apresentar a proposta, que prevê um imposto único apenas sobre as movimentações financeiras, na Casa Legislativa. O presidente do PSL, Luciano Bivar (PE), também já protocolou um  texto semelhante na Câmara.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247