Guedes cede e fim de inscrição obrigatória em conselhos não atingirá OAB

O ministro Paulo Guedes cedeu e, após pressão da entidade, o fim de inscrição obrigatória em conselhos não atingirá Ordem dos Advogados do Brasil

O ministro da Economia, Paulo Guedes
O ministro da Economia, Paulo Guedes (Foto: Antonio Cruz/Agência Brasil)

247 - O ministro Paulo Guedes ergueu a bandeira branca: dois de seus assessores diretos telefonaram na quinta (18) para o presidente da OAB, Felipe Santa Cruz —e comunicaram que a medida que acaba com a obrigatoriedade de inscrição em conselhos de fiscalização profissionais não atingirá a ordem dos advogados.

A informação pe da jornalista Mônica Bergamo, em sua coluna no jornal Folha de S.Paulo. 

Conheça a TV 247

Mais de Economia

Ao vivo na TV 247 Youtube 247