Guedes defende corte de recursos do Sistema S: tem que meter a faca

O futuro ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou que os cortes nos recursos destinados às entidades do Sistema S, voltadas para o ensino profissional e técnico, devem ser acentuados; "Tem que meter a faca no Sistema S", disparou Guedes durante evento na Firjan; Sistema S foi criado em 1942 com o objetivo oferecer cursos profissionalizantes e de qualificação de mão-de-obra, primeira instituição criada foi o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) e atualmente nove entidades atuam nesta direção

Guedes defende corte de recursos do Sistema S: tem que meter a faca
Guedes defende corte de recursos do Sistema S: tem que meter a faca (Foto: Reuters)

247 - O futuro ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou que os cortes nos recursos destinados às entidades do Sistema S, voltadas para o ensino profissional e técnico, devem ser acentuados. "Tem que meter a faca no Sistema S", disparou Guedes durante evento na Federação das Indústrias do Rio de Janeiro (Firjan).

"A CUT (Central Única dos Trabalhadores) perde e aqui fica tudo igual? Se tiver um interlocutor bom como o Eduardo Eugênio (Gouveia, presidente da Firjan) corta 30%. Se não, corta 50%", destacou entre risos dos empresários presentes ao evento. Ainda segundo ele, não "adianta cobrar sacrifícios dos outros e não dar o exemplo".

O Sistema S foi criado em 1942 com o objetivo oferecer cursos profissionalizantes. A primeira instituição criada foi o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai). Atualmente, nove entidades atuam nesta direção nas áreas da indústria, comércio, agronegócio, cooperativismo, transportes e empreendedorismo). O Sistema S é mantido por contribuições determinadas constitucionalmente, embora sejam instituições privadas geridas por entidades patronais.

No ano passado, de acordo com dados da Receita Federal, o Sistema S recebeu repasses de cerca de R$ 16,5 bilhões destinado à formação e qualificação de mão-de-obra.

 

Conheça a TV 247

Mais de Economia

Ao vivo na TV 247 Youtube 247