Haddad acusa Guedes de preparar golpe contra educação e saúde depois de ter destruído ciência e cultura

Haddad acusa o ministro da Economia, Paulo Guedes, pretende "asfixiar" verbas para educação e saúde com sua proposta de PEC de gastos. “Tenta fazer com estas áreas o que já conseguiu fazer com a ciência e a cultura. Asfixiá-las do ponto de vista orçamentário”, escreveu Haddad na manhã desta terça-feira

(Foto: ABr)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad alertou em suas redes sociais nesta terça-feira (23) que o ministro da Economia, Paulo Guedes, prepara um pacote ultraliberal para "asfixiar" verbas para educação e saúde, pastas já sucateadas no governo de Jair Bolsonaro. 

Guedes tem anunciado que só autorizará o retorno do auxílio emergencial de R$ 250 se o Congresso aprovar uma PEC de ajuste fiscal que prevê suspensão de concursos, reajustes de servidores e progressões de carreira. A medida de austeridade, como alertou Haddad, poderá atingir em cheio as pastas da educação e saúde. 

O senador Marcio Bittar (MDB) entregou ao presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM), nesta segunda-feira (21) o relatório da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) para realizar o novo auxílio emergencial. A discussão sobre o tema deve ocorrer na próxima quinta-feira, 25, no Senado.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email