Moody’s rebaixa nota da Eslovênia e dos bancos gregos

Incerteza poltica em um momento de instabilidade econmica degrada classificao da Eslovnia. Na Grcia, oito instituies financeiras so penalizadas pela piora na crise da dvida

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 com agências internacionais – A agência de classificação de riscos Moody’s rebaixou hoje em um nível, de "Aa2" para "Aa3", a nota da Eslovênia. Isso pode voltar a acontecer nos próximos dias, em momento delicado para o país economicamente.

Como justificativa, a agência alega que há um grande risco de o governo ser chamado a intervir novamente para sustentar o sistema bancário do país, enfraquecido pela crise financeira atual. Além disso, as perspectivas de crescimento da economia eslovena a médio prazo estão enfraquecidas pela falta de crédito e pela desaceleração do crescimento das exportações devido à desaceleração da economia global. A Moody’s aponta ainda que a incerteza política no país representa um risco para os planos de consolidação fiscal e de reformas estruturais, necessárias para evitar um agravamento da dívida.

Ainda nessa sexta-feira, a Moody's rebaixou a qualificação de oito bancos gregos devido à piora da crise da dívida no país europeu. A agência informou que a nota das entidades Banco Nacional da Grécia (NBG), Eurobank, Alpha Bank, Piraeus Bank, Agricultural Bank of Greece (ATE) e Attica Bank caiu de "B3" a "Caa2", dois níveis a menos.

A qualificação do Emporiki, filial do francês Crédit Agricole, e do Banco Geral da Grécia (Geniki), controlado pela também francesa Société Générale, também foi revista de "B1" a "B3"

Entre os itens levados em conta, está a deterioração do entorno econômico doméstico, a queda dos depósitos e as frágeis posições de liquidez dos bancos em questão.

 

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo APOIA.se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247