O fiasco da aliança entre o mercado financeiro e Bolsonaro: Ibovespa é o índice com pior desempenho no mundo em 2021

Ibovespa recuou 12,2% neste ano até a quarta-feira (24) e lidera a queda do mercado de ações entre os países emergentes

www.brasil247.com -
(Foto: Reuters | Reprodução/Facebook)
Siga o Brasil 247 no Google News

247 - Ao contrário do alardeado pelo governo, a aliança entre Jair Bolsonaro e setores do mercado financeiro resultou num enorme fiasco até em relação ao índice-referência para banqueiros e milionários: o índice da bolsa de valores. O principal índice da Bolsa de Valores do Brasil é o pior entre as principais bolsas do mundo. O Ibovespa recuou 12,2% neste ano até quarta-feira (24) e é o único índice que apresentou desempenho negativo entre os países emergentes. 

No ano, a Bolsa de Valores paulista abriu com 119.017 pontos e na quarta-feira desta semana registrava 104.514 pontos. Logo atrás do Brasil está a China, cujo índice A50 registrou queda de 11,6%. O Hang Seng, de Hong Kong, teve uma retração de 8,4% ao longo do ano. 

Veja os quadros preparados pelo Poder360 com desemprenho da Bolsa brasileira em comparação às principais do planeta e a seguir com as dos países emergentes:

PUBLICIDADE
bolsas-mundo

 

bolsas-emergentes

A queda no Ibovespa é atribuída à incerteza da condução da política fiscal, comandada pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, à alta da inflação e à aproximação das eleições presidenciais de 2022.  

PUBLICIDADE

Segundo a reportagem, atualmente, "o Ibovespa ainda está em nível similar ao de fevereiro de 2020, mês anterior da pandemia de Covid-19”.

Inscreva-se no canal Cortes 247 e saiba mais: 

PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

PUBLICIDADE

Cortes 247

PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email