Standard&Poor's rebaixa nota da União Europeia

Uma semana depois do Brexit, a agência de classificação de risco Standard & Poor's rebaixou nesta quinta-feira, 30, a nota de crédito a longo prazo para a União Europeia, de "AA+" para "AA"; antes da União Europeia, a S&P cortou o rating do Reino Unido em dois níveis, passando da classificação mais alta "AAA" para "AA"; Fitch Ratings, outra agência de classificação de risco, também rebaixou o país de "AA+" para "AA", com perspectiva negativa

Uma semana depois do Brexit, a agência de classificação de risco Standard & Poor's rebaixou nesta quinta-feira, 30, a nota de crédito a longo prazo para a União Europeia, de "AA+" para "AA"; antes da União Europeia, a S&P cortou o rating do Reino Unido em dois níveis, passando da classificação mais alta "AAA" para "AA"; Fitch Ratings, outra agência de classificação de risco, também rebaixou o país de "AA+" para "AA", com perspectiva negativa
Uma semana depois do Brexit, a agência de classificação de risco Standard & Poor's rebaixou nesta quinta-feira, 30, a nota de crédito a longo prazo para a União Europeia, de "AA+" para "AA"; antes da União Europeia, a S&P cortou o rating do Reino Unido em dois níveis, passando da classificação mais alta "AAA" para "AA"; Fitch Ratings, outra agência de classificação de risco, também rebaixou o país de "AA+" para "AA", com perspectiva negativa (Foto: Aquiles Lins)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Uma semana depois do referendo em que a maioria dos britânicos decidiram deixar a União Europeia, a agência de classificação de risco Standard & Poor's rebaixou nesta quinta-feira, 30, a nota de crédito a longo prazo para a União Europeia, de "AA+" para "AA". 

"Após a decisão do eleitorado do Reino Unido de deixar a União Europeia, revisamos nossa opinião sobre a coesão da UE, que agora consideramos um fator neutro em lugar de positivo", disse a entidade em comunicado.

Antes da União Europeia, a S&P cortou o rating do Reino Unido em dois níveis, passando da classificação mais alta "AAA" para "AA". A Fitch Ratings, outra agência de classificação de risco, também rebaixou o país de "AA+" para "AA", com perspectiva negativa.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247