“Ela só quer justiça”, afirma advogado de jovem que acusa Robinho de estupro

A defesa da jovem de origem albanesa que acusa o jogador Robinho de estupro reforçou a condenação do atleta pelo Tribunal de Milão, na Itália. "Foi uma situação absolutamente chocante, devido à memória parcialmente confusa que a vítima tinha", disse a defesa. "A defesa também destacou que, "pela lei italiana, aliás, Robinho é inocente até que o processo chegue ao fim"

Robinho
Robinho (Foto: Ivan Storti/Santos FC)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A defesa da jovem de origem albanesa que acusa o jogador Robinho de estupro reforçou a condenação do atleta pelo Tribunal de Milão, na Itália. "Nas interações interceptadas que sucederam à denúncia, os réus não chegaram a confessar, mas quase confirmaram o que aconteceu. A sentença é perfeita", afirma a defesa, sem identidade do (a) advogado (a) revelado (a). "Ela só quer justiça", complementou. 

De acordo com entrevista publicada por Veja, a defesa disse que a "vítima teve conhecimento do que aconteceu, das frases e do contexto, apenas depois do fato". "Porque, durante os atos de violência, como é dito na sentença, a vítima estava sob a influência de álcool. No final das investigações, ela recebeu as conversas interceptadas dos réus. Foi uma situação absolutamente chocante, devido à memória parcialmente confusa que a vítima tinha. Foi muito forte", continuou.

A defesa também destacou que, "pela lei italiana, aliás, Robinho é inocente até que o processo chegue ao fim". "Esperamos que se confirme a sentença de primeiro grau. Foi uma condenação correta, condizente com as provas robustas coletadas na investigação", complementou. 

Ex-atacante da seleção brasileira, Robinho, de 36 anos, foi condenado em primeira instância por violência sexual na Itália após um caso envolvendo uma mulher de origem albanesa, em 2013. 

Diálogos interceptados por autoridades revelaram a participação do jogador. O músico Jairo Chagas, que tocou naquela noite na boate, avisando a Robinho sobre a investigação. O jogador, segundo a transcrição, respondeu. "Estou rindo porque não estou nem aí, a mulher estava completamente bêbada, não sabe nem o que aconteceu", disse.

O Santos suspendeu o contrato com o atleta após o caso. 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247