Aécio, sobre Dilma na TV: “Falou não a presidente, mas um partido”

Senador mineiro e provável candidato tucano à presidência diz que o pronunciamento de Dilma Rousseff na TV foi “mais um exemplo inaceitável de como o PT usa” o estado para seus fins políticos

Aécio, sobre Dilma na TV: “Falou não a presidente, mas um partido”
Aécio, sobre Dilma na TV: “Falou não a presidente, mas um partido” (Foto: 1260)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Minas 247 - Apontado como provável candidato dos tucanos à presidência da República em 2014, o senador Aécio Neves (PSDB-MG) falou a respeito do pronunciamento da presidente Dilma Rousseff na quarta-feira (23/01) quando anunciou a redução nas tarifas de luz.

“O Brasil assistiu ontem a mais um exemplo inaceitável de como o PT usa, sem constrangimentos, estruturas de Estado para alcançar seus objetivos políticos. Sem razão que justificasse a formação de uma rede nacional obrigatória, vimos a apropriação de um instrumento de Estado para fins político-partidários. Falou à Nação não a presidente da República, mas um partido político, evidenciando, como nunca antes neste país, a mistura entre o público e o particular; o institucional e o partidário”, afirmou.

O parlamentar acrescentou: “O PSDB manifestou-se em nota reiterando seu compromisso e responsabilidade com o país. Como senador da República, registro meu pesar por este triste marco de quebra do princípio da impessoalidade no exercício da Presidência da República”.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247